Skip to content

Você vive em comunidade?

agosto 19, 2010

No último post falei como podemos ser mal atendidos no comércio. Hoje vou falar do outro lado, de como às vezes as pessoas não sabem aproveitar um bom serviço prestado.

Desde criança aprendemos com nossos pais sobre a importância de respeitar o próximo para estar bem com as pessoas e podermos viver bem em comunidade.

Mas o que é viver em comunidade? A Wikipédia me disse o seguinte: “ uma comunidade é um conjunto de pessoas que se organizam sob o mesmo conjunto de normas, geralmente vivem no mesmo local, sob o mesmo governo ou compartilham do mesmo legado cultural e histórico” Podemos lembrar também de coisas simples como: “Nosso direito termina onde começa o do outro”. Eu tento viver assim, mas confesso que infelizmente isso está bem difícil pela falta de reciprocidade.

Explico. Gente, fui a primeira reunião do meu condomínio. Era somente uma reunião pra saber sobre coisas que acontecerão nos primeiros meses, pois o empreendimento nem entregue foi. A idéia era auxiliar na integração dos moradores e falar de assuntos referentes ao Condomínio.

Nessa reunião entendi por que o fantástico teve tanta audiência naquela série sobre o tema. Todo mundo queria falar ao mesmo tempo. O “coitado” que estava no comando da reunião não conseguia dar prosseguimento ao seu cronograma, de tanto que era interrompido, e o pior, com perguntas nada pertinentes ao assunto abordado no momento. Ainda assim ele se manteve firme e forte na sua função de orador sem perder a paciência, e se perdeu, não deixou transparecer.

Confesso que fiquei com medo de algumas pessoas presentes ali. Um querendo falar mais alto e por cima do outro, uns querendo fazer a sua opinião prevalecer sem ao menos se dar ao trabalho de ouvir o que está sendo dito. Até aproveitei pra rir um pouco de tantos absurdos, mas ao mesmo tempo não conseguia deixar a minha frustração de lado, pois de repente me lembrava “nossa, eles serão meus vizinhos!”

Saindo de lá, eu e meu marido começamos a sessão “remember” e chegamos à conclusão que tínhamos acabado de sair de uma aula de COMO NÃO VIVER EM COMUNIDADE, exatamente o contrário da proposta da reunião.

E dando minhas tricotadas sobre atendimento, faço aqui justiça. Eu falo tanto sobre a eterna busca pelo bom atendimento e quando surge um, o que acontece? As pessoas jogam no lixo.

(Por Gisele Moura)

Anúncios
One Comment leave one →
  1. agosto 20, 2010 12:40 pm

    Nossa, excelente ponto de vista, seu e do maridón.

    E o mais desolador é a seguinte questão: como reverter essa nossa crescente inabilidade social?

    Por isso eu sempre gostei do significado (e do conceito) de “etiqueta”. Etiqueta significa “pequena ética”. Talvez se cada um de nós soubesse um pouco mais de etiqueta, nem tudo estaria perdido.

    Digamos que, com a pequena ética, seja mais fácil alcançar a grande ética… Hum, entendi. Etiqueta já!

    Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: